Rua Voluntários da Pátria 487/ Sala 906-907, Palladium Office Center - Pelinca, Campos dos Goytacazes

Corredores com dor patelofemoral possuem alterações biomecânicas na qual uma intervenção direcionada pode modificar: Uma revisão sistemática.

03/10/2018 15:12:10 Sem Categoria

Runners with patellofemoral pain have altered biomechanics which targeted interventions can modify: A systematic review and meta-analysis

 

Corredores com dor patelofemoral possuem alterações biomecânicas na qual uma intervenção direcionada pode modificar: Uma revisão sistemática.

 

A dor patelofemoral caracteriza a dor com mecanismos de lesão mais prevalentes entre corredores e está associada a diversos fatores biomecânicos.
Um artigo publicado em 2015 pela Elsivier, maior editora de literatura médica e científica do mundo tem como objetivo
orientar o tratamento e a prevenção da DPF(Dor Patelofemoral)  através de estudos prospectivos,
observacionais e de intervenção que mensuram os resultados clínicos e biomecânicos em corredores sintomáticos.

Leia o artigo completo na íntegra através do PDF anexado neste post:

 

 

Notícias Recentes

Um artigo recentemente publicado pela Journal of the American Medical Association (JAMA), é uma revista científica de medicina publicada 48 vezes por ano pela American Medical Association teve o objetivo de avaliar se a fisioterapia é inferior à meniscectomia parcial artroscópica para melhorar a função do joelho em pacientes com rupturas meniscais. Clique para ler sobre.
Recentemente, a Journal of Athletic Training (NATA), associação profissional internacional para instrutores esportivos publicou um artigo comparando os efeitos de 12 semanas de reabilitação imediata versus tradicional nos efeitos da junção miotendínea gastrocnemial medial e força isométrica de flexão plantar em pacientes com reparo percutâneo de Tendão de Aquiles (TA) e para comparar escores de ruptura de TA (ATRSs) durante o acompanhamento. Clique para ler mais sobre.
Em 2015, a UNESP publicou um artigo com o objetivo dei verificar a influência das manobras osteopáticas de Thrust Global inespecífico em OAA (occipital, atlas e axis) e de Thrust específico em C3, na dor dos indivíduos com DTM e dores orofaciais, por meio de examescomplementares. Clique para ler sobre.
A fascite plantar (FP) é uma condição dolorosa comum sob o calcanhar do pé, afetando aproximadamente 10% da população durante a sua vida. Em 2017, a Elsevier, maior editora de literatura médica e científica do mundo, publicou um artigo sobre este tema e discutiu sua abordagem fisioterapêutica. Leia o artigo na íntegra.